PUBLICIDADE
Topo

Sobe para 130 número de mortos em atentados a Paris

Do UOL, em São Paulo

20/11/2015 13h21

O primeiro-ministro da França, Manuel Valls, anunciou nesta sexta-feira (20) que passou de 129 para 130 o número de mortos nos atentados a Paris há uma semana. Um dos 352 feridos morreu hoje no hospital.

"Os terroristas mataram sem piedade, assassinaram 130 pessoas”, declarou o chefe do Executivo francês em um pronunciamento no Senado para pedir a extensão do estado de emergência em todo o país por três meses.

Valls não deu mais detalhes sobre o estado de saúde das vítimas feridas, mas novas informações devem ser apresentadas logo mais, às 17h no horário local (14h em Brasília), pela ministra da Justiça, Christiane Taubira.

Ataques aconteceram há uma semana

Uma série de ataques coordenados, com explosões e tiroteios, aconteceu na noite de sexta-feira (13) em cinco diferentes locais de Paris e no Stade de France, ao norte da capital em Saint-Denis. O atentado mais grave ocorreu na casa de espetáculos Bataclan, onde cerca de 1.500 pessoas assistiam a um show de rock.

Houve ataques a tiros a clientes de restaurantes e bares nos distritos de número 10 e 11 da capital francesa. Foram registradas três explosões no estádio nacional durante o amistoso entre França e Alemanha; o presidente francês, François Hollande, estava no estádio.

O grupo jihadista Estado Islâmico foi identificado como responsável pelos ataques em território francês. 

(com agências internacionais de notícias)

Internacional