Venda de bolo para casamento gay vai ser decidido na Suprema Corte dos EUA

Do UOL, em São Paulo

  • Brennan Linsley/ AP

    Em foto de 2014, Jack Philips, proprietário da Masterpiece Cakeshop, prepara um bolo em sua loja no Colorado, EUA

    Em foto de 2014, Jack Philips, proprietário da Masterpiece Cakeshop, prepara um bolo em sua loja no Colorado, EUA

A Suprema Corte, a mais alta instância da Justiça nos EUA, vai decidir sobre o caso da venda de um bolo de casamento para um casal gay no Colorado, um caso que representa um novo embate entre direitos LGBT e religião no país.

A corte disse nesta segunda-feira (26) que vai avaliar o motivo de um confeiteiro que não concorda com o casamento de pessoas do mesmo sexo por motivos religiosos para recusar a fazer o bolo de casamento de um casal gay.

O caso exige que a Justiça avalie os direitos religiosos do confeiteiro contra o direito do casal em ter tratamento igualitário perante a lei. Disputas semelhantes surgiram em diferentes regiões dos EUA.

A decisão de julgar o caso reflete a energia renovada entre os conservadores na corte americana, que recentemente viu Neil Gorsuch, indicado do presidente republicano Donald Trump, chegar à Suprema Corte.

A corte vai revisar a decisão da Justiça do Colorado de que o confeiteiro Jack Philips e sua loja Masterpiece Cakeshop discriminaram o casal gay sob a lei do Colorado.

Philips disse a Suprema Corte que ele tem o direito a liberdade de expressão e de religião e que a Primeira Emenda da Constituição americana deveria protegê-lo. Ele disse que não deveria ser obrigado a fazer um bolo especificamente para honrar um casamento de pessoas do mesmo sexo.

As leis antidiscriminatórias do Colorado protegem as pessoas em sua orientação sexual. Charlie Craig e David Mullins registraram uma denúncia contra Philips e sua loja em Denver depois que o confeiteiro disse que ele não iria fazer e decorar um bolo para honrar o casamento deles.

Colorado não permitia casamento gay até 2014. Dois anos antes, Craig e Mullins estavam planejando viajar para Massachusetts, onde o casamento de pessoas do mesmo sexo era legal, e fazer a recepção em Denver depois que eles retornassem ao Colorado. Eles estavam procurando um bolo para a ocasião.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos