Topo

Mulher é morta por policial enquanto jogava videogame com sobrinho nos EUA

Mulher jogava videogame com criança de oito anos quando foi morta  - Getty Images
Mulher jogava videogame com criança de oito anos quando foi morta Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

14/10/2019 14h05

A morte de uma mulher negra gerou protestos ontem em Fort Worth, no Texas. Atatiana Jefferson, de 28 anos, levou um tiro fatal quando estava em casa jogando videogame com o sobrinho de oito anos de idade. De acordo com o jornal The Guardian, o autor do tiro foi um policial branco.

Segundo a publicação, o oficial, que não teve o nome revelado, foi checar o chamado de um vizinho, que viu as portas da casa de Jefferson abertas por um longo período, o que não era "normal". O policial viu uma movimentação na casa e atirou pensando ser um invasor.

"Ele não anunciou que era policial antes de atirar. O que ele viu e os motivos pelos quais ele não se identificou serão verificados ao longo da investigação", afirmou o policial Brandon O'Neil, da polícia de Fort Worth.

Ainda segundo o The Guardian, a câmera que fica no corpo do policial mostra ele andando perto da residência. Ao ver a movimentação dentro da casa, ele apenas gritou para a pessoa levantar as mãos, mas atirou menos de um segundo depois.

O caso fez com que pessoas se reunissem em frente ao local onde Jefferson morava para pedir a prisão do policial, que deve ser interrogado hoje pelas autoridades locais.

Internacional