PUBLICIDADE
Topo

Caçador é morto por cervo que ele acreditava ter abatido nos Estados Unidos

Andrew Redington/Getty Images
Imagem: Andrew Redington/Getty Images

Da agência AP

25/10/2019 11h23

As autoridades do Arkansas, nos Estados Unidos, confirmaram que um caçador morreu depois de ter sido atacado por um cervo que ele acreditava ter abatido.

O porta-voz da Comissão de Pesca e Peixes do Arkansas, Keith Stephens, disse que Thomas Alexander, de 66 anos, atirou com uma espingarda enquanto caçava na terça-feira perto de Yellville, uma área nas montanhas Ozark a cerca de 170 km ao norte de Little Rock.

Stephens disse para a emissora KY3, de Springfield (Missouri), que o cervo atacou Alexander quando o caçador se aproximou do animal para ver se ele estava morto.

Ele diz que Alexander, que sofreu vários ferimentos, morreu mais tarde em um hospital.

O porta-voz disse que não ficou claro quanto tempo Alexander esperou antes de verificar se cervo realmente tinha morrido, mas que a agência recomenda esperar pelo menos 30 minutos antes de se aproximar.

Internacional