PUBLICIDADE
Topo

Em Portugal, mulher cospe em clientes de padaria e afirma ter coronavírus

Polícia de Segurança Pública/Divulgação
Imagem: Polícia de Segurança Pública/Divulgação

Do UOL, em São Paulo

31/03/2020 16h37

Uma mulher de 43 anos foi detida hoje na cidade de Braga, em Portugal, após causar disturbios no interior de uma padaria. Segundo o jornal Correio da Manhã, ela afirmava estar contagiada com o novo coronavírus e cuspia em objetos e pessoas. Alguns frequentadores chegaram a ser agredidos.

De acordo com a publicação, a Polícia de Segurança Pública (PSP), responsável pela detenção, afirmou que o proprietário relatava a repetição do incidente há vários dias, o que vinha atrapalhando o funcionamento do estabelecimento e colocando em perigo funcionários e clientes.

Ao chegar ao endereço da padaria, agentes da PSP aconselharam a mulher a voltar para a casa, mas ela recusou. Detida, a infratora foi notificada a comparecer no Tribunal Judicial da Comarca de Braga.

O UOL tentou contato com a assessoria da PSP a respeito do caso, mas não obteve retorno.

Segundo dados divulgados hoje pela Direção-Geral de Saúde, Portugal já registrou 7443 casos de pessoas infectadas com o novo coronavírus, dos quais 160 resultaram em óbitos.

Coronavírus