PUBLICIDADE
Topo

Príncipe Charles inaugura hospital contra o coronavírus em Londres

Primeiro na linha de sucessão ao trono britânico, Charles chegou a contrair o novo coronavírus, mas se curou - Stefan Rousseau/Pool/AFP
Primeiro na linha de sucessão ao trono britânico, Charles chegou a contrair o novo coronavírus, mas se curou Imagem: Stefan Rousseau/Pool/AFP

Do UOL, em São Paulo

03/04/2020 08h58

O Príncipe Charles, o primeiro na linha de sucessão ao trono britânico, inaugurou hoje um hospital de campanha contra o novo coronavírus no espaço de um centro de convenções em Londres.

O filho de Elizabeth II participou da cerimônia via videoconferência direto de Birkhall, sua casa em Aberdeenshire, no norte da Escócia.

"Neste período sombrio, este lugar será uma luz brilhante", disse o príncipe de Gales, que chegou a contrair o vírus, mas se curou.

Utilizando-se da estrutura do ExCel London, um centro de exposições no leste da cidade inglesa, o NHS (Serviço Nacional de Saúde, na sigla em português) Nightingale Hospital London é o primeiro complexo de saúde inaugurado especificamente para o combate à covid-19 no país.

Inicialmente contando com 500 camas equipadas com ventiladores e oxigênio, a previsão é de que Nightingale Hospital londrino chegue a ter 4.000 leitos à disposição dos infectados pela covid-19.

Outros hospitais de campanha contra o novo coronavírus devem ser inaugurados ainda em abril em espaços de centros de convenções em Birmingham e Manchester, na Inglaterra.

O Reino Unido já acumula mais de 34 mil casos de coronavírus e quase 3 mil mortes, segundo dados da Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos.

Coronavírus