PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Esse conteúdo é antigo

Mortes por coronavírus no estado de Nova York passam de 10 mil

Homem usa máscara contra coronavírus na Times Square, em Nova York, em frente à bandeira dos Estados Unidos - Gary Hershorn/Corbis via Getty Images
Homem usa máscara contra coronavírus na Times Square, em Nova York, em frente à bandeira dos Estados Unidos Imagem: Gary Hershorn/Corbis via Getty Images

Do UOL, em São Paulo

13/04/2020 13h07

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, afirmou hoje em um pronunciamento que o número de mortes por coronavírus no estado é de 10.056. O número oficial aumentou após 671 pessoas morrerem ontem.

Apesar do aumento, Cuomo disse que a curva de contaminação no estado "continua achatada". Ele também ressaltou que não há como prever quando a situação pode melhorar e que 2 mil pessoas dão entrada no sistema hospitalar diariamente.

Cuomo diz que a pandemia não é como ligar e desligar um interruptor e que adoraria que isso acontecesse, mas não vai. "É como assistir a um incêndio atravessando a grama seca com um vento forte", disse.

Ao final do pronunciamento, o governador considerou que o pior já passou, mas que os nova-iorquinos precisam de manter inteligentes no combate a pandemia para que a curva não volta a subir: "Se você se isolar, tomar as precauções, sua família não será infectada. Nós podemos controlar a propagação. Sinta-se bem com isso."

Coronavírus