PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Esse conteúdo é antigo

Espanha tem desaceleração de novos casos de covid-19; mortes diárias sobem

Profissionais de saúde transferem paciente de ambulância para hospital em Leganés, na Espanha - SUSANA VERA
Profissionais de saúde transferem paciente de ambulância para hospital em Leganés, na Espanha Imagem: SUSANA VERA

Do UOL, em São Paulo*

14/04/2020 06h49

O número de mortes diárias na Espanha provocadas por infecção do novo coronavírus aumentou para 567 no boletim divulgado hoje, ante 517 no dia anterior. Por outro lado, o país registrou o menor aumento em novos casos de covid-19 desde 18 de março.

O total de mortes subiu para 18.056, enquanto os casos confirmados da infecção aumentaram em 3.045, para 172.541, informou o Ministério da Saúde em comunicado.

O índice de 1,8% de aumento de infectados é o menor desde o início da crise sanitária no país, o que indica a desaceleração da pandemia já notada nos últimos dias.

O primeiro contágio do novo coronavírus na Espanha foi confirmado em 31 de janeiro, mas somente em março houve uma multiplicação exponencial de doentes. A comunidade autônoma de Madri, onde se encontra a capital espanhola, é a região mais afetada, seguida pela Catalunha.

Ontem, a Espanha autorizou uma retomada parcial do trabalho, principalmente nos setores da indústria e construção civil. O país estava há duas semanas com a paralisação de todas as atividades não essenciais no país.

Contudo, barreiras sanitárias para evitar um novo aumento do número de contágios foram mantidas, como a distribuição de dez milhões de máscaras para pessoas que farão uso do transporte público.

*Com informações da Reuters e da RFI

Coronavírus