PUBLICIDADE
Topo

Mulher branca denuncia homem negro à polícia por pedir que seguisse a lei

Mulher branca denuncia homem negro à polícia por pedir que colocasse coleira no cachorro - Reprodução/Facebook @ChristianCooper
Mulher branca denuncia homem negro à polícia por pedir que colocasse coleira no cachorro Imagem: Reprodução/Facebook @ChristianCooper

Do UOL, em São Paulo

26/05/2020 16h32

Amy Cooper, uma mulher branca estadunidense, foi afastada do trabalho após ligar para a polícia de Nova York afirmando que havia um homem afro-americano ameaçando sua vida. O homem em questão era Christian Cooper, que havia apenas requisitado a Amy que colocasse coleira em seu cão, como as regras do "Central Park" orientavam.

O conflito entre os dois foi filmado por Christian e viralizou nas redes sociais. Comentando o assunto para o canal "NBC New York", ele citou a violência contra pessoas negras e disse que não se sentiu intimidado:

"Vivemos na era de Ahmaud Arbery [homem negro morto em fevereiro de 2020, na Geórgia, enquanto fazia caminhada], onde homens negros são mortos a tiros por causa de suposições que as pessoas fazem sobre homens negros, pessoas negras, e eu simplesmente não vou participar disso."

Já Amy, em entrevista à "CNN", afirmou que estava arrependida: "Não sou racista. Não pretendia prejudicar esse homem de forma alguma".

Em um post no Facebook, o rapaz deu sua versão do que ocorreu antes do início da gravação:

"Central Park hoje de manhã: o cachorro dessa mulher está rasgando as plantações no 'Ramble' [localidade específica do parque].

EU: Senhora, os cães no 'Ramble' devem estar sempre com coleira. Ali está a placa.
ELA: As pistas de cães estão fechadas. Ele precisa se exercitar.
EU: Tudo o que você precisa fazer é levá-lo para o outro lado da rua, fora do 'Ramble', e você pode deixá-lo sem coleira o quanto quiser.
ELA: É muito perigoso.
EU: Olha, se você vai fazer o que você quer, eu vou fazer o que eu quero, mas você não vai gostar.
ELA: O que é isso?
EU (para o cachorro): Venha aqui, cachorrinho!
ELA: Ele não virá até você.
EU: Vamos ver...

Pego os biscoitinhos que sempre levo. Eu nem tive a chance de jogar os biscoitos para o cão antes que Karen viesse tentar agarrá-lo.

ELA: NÃO TOQUE NO MEU CÃO!!!!!

Foi quando eu comecei a gravar o vídeo com o meu iPhone e quando a Karen interna dela surgiu completamente e deu uma guinada sombria."

No vídeo, ela diz que vai ligar para a polícia: "Vou dizer a eles que um homem afro-americano está ameaçando minha vida". "Por favor, diga a eles o que quiser", responde Christian, enquanto a mulher tenta controlar o cachorro.

Ela pega o telefone e pede que a polícia envie ajuda, repetindo a ameaça.

De acordo com o site "BuzzFeed News", a polícia de Nova York chegou no local por volta das 8h, mas não houve boletim de ocorrência.

Internacional