PUBLICIDADE
Topo

Homem é preso na Tailândia por furtar centenas de chinelos para fazer sexo

Do UOL, em São Paulo

30/05/2020 17h57

Um homem foi preso na Tailândia após furtar centenas de pares de chinelo para depois fazer sexo com eles, informou a polícia local na quarta-feira (27).

30.mai.2020 - Ladrão de chinelos é preso com 126 pares e confessa que fazia sexo com eles em Nonthaburi, na Tailândia - Reprodução/The Sun - Reprodução/The Sun
Ladrão de chinelos é preso e confessa que fazia sexo com eles em Nonthaburi, na Tailândia
Imagem: Reprodução/The Sun

De acordo com o tabloide inglês "Daily Mail", Theerapat Klaiya, de 24 anos, foi preso após denúncias de moradores da cidade de Nonthaburi, na região central do país. A polícia utilizou as imagens da câmera de segurança da casa de uma das vítimas para reconhecer o suspeito.

Ele teria confessado o furto de 126 pares, e dito que cometia o crime para satisfazer seu fetiche. Ele disse que gostava de vestir e esfregar os chinelos pelo corpo, e teria juntado os pares apreendidos com ele ao longo de dois anos.

Ele foi preso em flagrante e acusado pelo crime, além de ter violado o toque de recolher imposto pelo governo local para ajudar a controlar a pandemia de covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, no país.

Ele já havia sido preso pelo mesmo crime antes.

30.mai.2020 - Ladrão de chinelos é preso com 126 pares e confessa que fazia sexo com eles em Nonthaburi, na Tailândia - Reprodução/The Sun - Reprodução/The Sun
Centenas de pares foram apreendidos com suspeito
Imagem: Reprodução/The Sun

Internacional