PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Marinheiro desaparecido é achado vivo agarrado a barco a 138 km da costa

Do UOL, em São Paulo

30/11/2020 10h40

Um marinheiro de 62 anos foi encontrado agarrado ao casco de um barco naufragado, depois de ter sido dado como desaparecido pela família no sábado (28). O homem, identificado como Stuart Bee, foi localizado ontem pela tripulação de um navio com contêiner na costa da Flórida (EUA), no Oceano Atlântico. Stuart não teve nenhum ferimento.

De acordo com o site da ABC News, funcionários da Guarda Costeira dos EUA informaram que o homem estava a 138 quilômetros da costa do Porto Canaveral. Veronica Dunn-Depretis, suboficial da Guarda Costeira, afirmou ao site que o fato de o homem estar vivo é "incrível" e que ele possui muita sorte visto as condições delicadas que ele foi encontrado.

Dunn-Depretis ainda explicou que quando o homem foi localizado, ele segurava o casco do barco que saia da água, por cerca de um metro. "Ele estava se agarrando a isso quando o encontraram e o puxaram para cima em seu navio", disse.

Apesar da situação delicada em que foi encontrado, o marinheiro encontra-se bem e sem ferimentos. - Reprodução/Facebook/U.S. Coast Guard Southeast - Reprodução/Facebook/U.S. Coast Guard Southeast
Apesar da situação delicada em que foi encontrado, o marinheiro encontra-se bem e sem ferimentos.
Imagem: Reprodução/Facebook/U.S. Coast Guard Southeast

Segundo a suboficial, o marinheiro saiu com o barco do Porto Canaveral na sexta-feira (27) à noite e planejava ficar no mar por várias horas. Mas, no sábado, quando ele não voltou, a família acionou a Guarda Costeira. A busca foi iniciada imediatamente e depois uma mensagem de emergência foi transmitida por rádio para navios comercias distantes da costa informando o desaparecimento.

A Guarda ainda pontuou no Facebook que, na madrugada de ontem, começou a entrar água na cabine do barco e ele começou a afundar. Então, o homem se agarrou a parte que estava para fora da água e ficou ali. Assim que viu o navio com contêineres se aproximando, Stuart começou a acenar para chamar a atenção da tripulação.

Os tripulantes notaram o pedido desesperado do homem, avisaram o capitão que aproximou o navio do local onde estava Stuart e jogaram uma boia para auxiliar no resgaste. O marinheiro nadou até o navio, subiu as escadas laterais e foi recebido por tripulantes. Assim que o resgate bem-sucedido aconteceu, a Guarda Costeira foi avisada e informada que o navio levaria o marinheiro até a costa.

"Obrigado a todos os marinheiros que estavam à espreita e especialmente à embarcação [com contêineres] a motor Angeles por resgatar o Sr. [Stuart] Bee", escreveu a Guarda no Facebook.

A Guarda Costeira ainda informou que Stuart não ficou ferido e não está claro o motivo de ter começado a entrar água no barco de 9 metros do marinheiro.

Internacional