PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Prédio de 79 andares balança sem explicações e causa pânico na China; veja

Pânico durante a evacuação do prédio em Shenzhen - Reprodução/Twitter
Pânico durante a evacuação do prédio em Shenzhen Imagem: Reprodução/Twitter

Colaboração para o UOL, em São Paulo

18/05/2021 10h54Atualizada em 18/05/2021 19h15

Um arranha-céu localizado na cidade chinesa de Shenzhen precisou ser evacuado hoje, após começar a balançar sem motivo aparente. Apesar do pânico durante a saída, ninguém se feriu e o prédio seguiu com a estrutura intacta. Autoridades já iniciaram uma investigação a respeito do caso.

O SEG Plaza, que conta com 79 andares em seus 298 m de altura, começou a balançar às 13h (horário local). Segundo o jornal Daily Mail, nenhum terremoto foi registrado e as autoridades ficaram perplexas com a movimentação, que ocasionou uma saída em massa do edifício.

O Departamento de Gerenciamento de Emergências encomendou um relatório meteorológico para tentar explicar a causa do balanço. Nele, foram registrados ventos de 43 km/h que não motivariam a movimentação do edifício. Logo, o estudo foi declarado como inconclusivo.

seg - AFP - AFP
O arranha-céu de quase 300m de altura
Imagem: AFP

Autoridades locais afirmam que vão "verificar a causa do abalo". Todavia, ainda não foi divulgado o que será feito com o prédio, construído no coração da cidade com mais de 12 milhões de habitantes, neste ínterim.

O nome da torre é uma homenagem à Shenzhen Electronics Group, uma fabricante de semicondutores e eletrônicos, cujos escritórios estão localizados no edifício. Concluído em 2000, o prédio também abriga um importante mercado de eletrônicos, assim como diversos escritórios em uma das metrópoles de maior crescimento no país asiático.

Cinco dos arranhas-céus mais altos do mundo estão localizados na China. A "Torre de Xangai" é um deles, sendo o segundo maior edifício do mundo com seus 631 metros de altura.

Internacional