PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Americano é atacado por jacaré e morre em galpão alagado pelo furacão Ida

Homem tinha 71 anos e foi surpreendido pelo jacaré em galpão - Getty Images/iStockphoto
Homem tinha 71 anos e foi surpreendido pelo jacaré em galpão Imagem: Getty Images/iStockphoto

Colaboração para o UOL, em São Paulo

01/09/2021 09h32

Um homem de 71 anos morreu na segunda-feira (30) em Slidell, no estado de Louisiana (EUA) após ser atacado por um jacaré no galpão de sua casa, que estava alagado devido aos efeitos da tempestade do furacão Ida.

Timothy Satterlee desceu as escadas de sua casa para checar a situação do galpão inundado e não percebeu que lá havia um jacaré escondido.

Sua esposa, de 60 anos, se assustou com um barulho e desceu para o local. Ao se deparar com o acidente, seu marido já estava sem o braço, gritando com dores e pedindo ajuda, segundo Lance Vitter, porta-voz do gabinete do xerife.

A mulher tentou fazer ligações para pedir socorro, mas a região estava sem sinal devido ao Ida. Quando a mulher voltou ao galpão, Satterlee já estava inconsciente. Ela tentou estancar o sangue com um pedaço de tecido, mas o homem não sobreviveu.

Segundo o portal Nola.com, investigadores dizem que as evidências confirmam a versão da mulher, que disse que jacarés com mais de 2 metros de comprimento já foram vistos em um lago na região.

Policiais estão em busca do corpo da vítima desde segunda-feira à noite, quando o alagamento abaixou o nível.

Internacional