PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Guia de cão fica presa em porta e mulher morre arrastada por trem, nos EUA

Amy Adams estava com a guia do cachorro amarrada à cintura quando embarcou no trem - Reprodução/FOX2
Amy Adams estava com a guia do cachorro amarrada à cintura quando embarcou no trem Imagem: Reprodução/FOX2

Colaboração para o UOL

15/09/2021 23h12Atualizada em 15/09/2021 23h12

Presa à porta do trem pela guia da coleira do seu cachorro, Amy Adams, de 41 anos, foi arrastada pela composição e morreu. O trágico acidente aconteceu na segunda-feira (13), na estação Powell Street, em São Francisco.

Testemunhas disseram que Amy saiu repentinamente do vagão e, segundos depois, as portas se fecharam, segundo o canal americano Fox2. O cachorro que a acompanhava ficou do lado de dentro e não se feriu. A guia usada por ela, na cintura, a segurou e arrastou para os trilhos.

Os funcionários da companhia disseram que a vítima acenava para alguém pouco antes de sair. Ainda segundo testemunhas, um homem que estava na plataforma, em estado de choque, se identificou como namorado da vítima.

Um porta-voz da administradora dos trens, a BART (Bay Area Rapid Transport) lamentou o acidente. "Esta é uma trágica perda de vida e estamos seguindo todos os protocolos de segurança".

A BART opera em três condados da Califórnia: Alameda, Contra Costa e São Francisco. Por medida de segurança, os funcionários sempre verificam se os passageiros estão longe das portas antes de partirem, disse uma operadora da empresa.

Internacional