PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
4 meses

Portugal deixa de exigir teste negativo de covid-19 para vacinados

Turistas aproveitando o fim de restrições em Lisboa, Portugal - Getty Images
Turistas aproveitando o fim de restrições em Lisboa, Portugal Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

04/02/2022 12h19Atualizada em 04/02/2022 12h24

Portugal deixou de exigir a apresentação de testes negativos da covid-19 para as pessoas imunizadas contra a doença para a entrada no país. A decisão foi tomada ontem pelo Conselho de Ministros e já começa a valer a partir de hoje.

Segundo comunicado divulgado pelas autoridades portuguesas, fica suspensa a "apresentação de comprovativo de realização de teste com resultado negativo para quem apresente Certificado Digital COVID da UE (União Europeia) em qualquer das suas modalidades ou outro comprovativo de vacinação que tenha sido reconhecido".

A queda da obrigatoriedade foi determinada em meio à análise de especialistas que apontam que a pandemia atingiu o seu pico em Portugal, de modo que a previsão é que o número de mortes, casos e internações comecem a cair.

Segundo a plataforma Our World in Data, ligada à Universidade Johns Hopkins, Portugal registrou ontem 53 mortes pela covid-19. Na última terça-feira (1º), os óbitos contabilizados foram 63. Até ontem, o país europeu totalizava 20.077 óbitos desde o início da pandemia.

Nos casos confirmados, as contaminações em Portugal ontem foram 50.477, somando 2,8 milhões. Na quarta-feira (2), 54.693 casos confirmados foram registrados no país.

Internacional