PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Com apenas uma mão, homem se salva de crocodilo que o atacou na Austrália

Considerado tímido, crocodilo da região em que homem foi atacado não representa ameaça aos humanos - Reprodução/Pixabay
Considerado tímido, crocodilo da região em que homem foi atacado não representa ameaça aos humanos Imagem: Reprodução/Pixabay

Do UOL, em São Paulo

17/05/2022 04h00Atualizada em 17/05/2022 16h06

Um homem de 40 anos conseguiu se salvar de um crocodilo em Queensland, na Austrália, com apenas uma mão enquanto o animal mordia a outra. O caso ocorreu atrás de uma cachoeira em Adels Grove, e o aventureiro passa bem, segundo o tabloide britânico Mirror.

O homem estava nadando quando assustou um crocodilo, sendo atacado e tendo um dos braços agarrados pelo réptil. O rapaz só conseguiu se livrar do animal quando segurou os dentes dele com uma mão.

O oficial de tripulação aérea Greig Allan, do LifeFlight Australia, organização médica aeronáutica australiana, afirmou que o homem teve sorte. "Ele estava tentando entrar em uma cachoeira e não viu o crocodilo", disse, em entrevista à emissora 9News. "Então, quando ele estendeu a mão, o crocodilo se assustou e agarrou seu braço".

Mas, apesar de ter ficado vivo, o homem não ficou livre dos ferimentos, segundo o oficial. "Ele teve lacerações no braço e conseguiu se libertar, o que é incrível, com uma mão boa, mas ao fazer isso criou muitos outros ferimentos, perfurações nas duas mãos", falou. "Como você pode imaginar, um crocodilo de dois a três metros agarrando você pelo braço vai deixar algumas lesões bastante significativas".

Greig contou que o aventureiro teve perfurações profundas causadas pelos dentes do crocodilo. "Ele estava com muita dor e as perfurações dos dentes do crocodilo eram muito profundas", disse. "Quando o crocodilo saiu, ele teve outro pequeno beliscão em sua perna".

O rapaz foi levado pelos colegas a uma pista de pouso próxima e os primeiros socorros para estancar o sangramento foram feitos ali mesmo, antes de ser levado de helicóptero para o hospital.

Supt Brad Hardy, do Serviço de Ambulância de Queensland, explicou que há uma grande população de crocodilos de água doce na área, mas que eles não são uma ameaça aos humanos, a não ser que eles sejam assustados. "Eles normalmente são bastante tímidos, mas quando são surpreendidos, são agressivos".

Internacional