Conteúdo publicado há 2 meses

Sakamoto: Posse de Milei será grande excursão bolsonarista paga por nós

Com ausência de Lula na posse do novo presidente da Argentina, Javier Milei, no próximo domingo (10), a presença do ex-presidente Jair Bolsonaro e comitiva de políticas aliados será uma grande excursão bolsonarista paga com dinheiro dos brasileiros, afirmou o colunista do UOL Leonardo Sakamoto, durante o UOL News nesta sexta-feira (8).

No final das contas está rolando um trem da alegria. Um monte de gente, parlamentares e políticos [viajando] com nosso dinheiro. Aqui você vê uma grande excursão bolsonarista com diárias e passagens pagas pelo contribuinte brasileiro. Leonardo Sakamoto, colunista do UOL

O Lula viaja internacionalmente reconstruindo as relações que o Brasil sempre teve e está recolocando o país em uma posição de protagonismo, principalmente ambiental. Enquanto isso, o Bolsonaro era um pária global. E esse é o motivo pelo qual ele não gostava de viajar para fora, ele não era bem-vindo. Leonardo Sakamoto, colunista do UOL

Sakamoto contesta a afirmação de Bolsonaro, na Argentina, de que Lula prefere viajar para fora do Brasil, ao invés do país que governa, pois não seria bem recebido.

Isso é uma estratégia da extrema direita de tentar dizer que 'olha, o PT não pode caminhar nas ruas porque sofre, apanha. Nós podemos caminhar pelas ruas'. Bobagem, isso não é verdade. Lula em muitos lugares do Brasil é carregado também. [Assim como Bolsonaro], depende de onde tem a popularidade maior. Leonardo Sakamoto, colunista do UOL

Em segundo lugar, a questão de ser atacado. Durante as eleições, é verdade, houve muito ataque. Principalmente de bolsonaristas radicais que mataram petistas. Teve violência dos dois lados, mas a maior parte das mortes casos partiram de bolsonaristas contra petistas. E, lembrando, que os que invadiram, depredaram, agrediram a sede dos Três Poderes não foram petistas, mas bolsonaristas. Leonardo Sakamoto, colunista do UOL

O colunista disse também que Bolsonaro está aproveitando a popularidade do presidente argentino eleito para "parasitar".

O ex-presidente Jair Bolsonaro está aproveitando esse momento de popularidade do Javier Milei para parasitar. Mas para quê? Para influenciar no cenário internacional? Não. O Bolsonaro é praticamente irrelevante no cenário internacional.

O que ele está querendo fazer nesse exato momento na Argentina é se mostrar internacionalmente relevante para seu público interno. É mais ou menos o que ele fazia quando ia discursar na Assembleia Geral da ONU, quando não falava para o mundo, mas para seu eleitorado. Leonardo Sakamoto, colunista do UOL

Continua após a publicidade

O UOL News vai ao ar de segunda a sexta-feira em duas edições: às 10h com apresentação de Fabíola Cidral e às 17h com Diego Sarza. O programa é sempre ao vivo.

Quando: De segunda a sexta, às 10h e 17h.

Onde assistir: Ao vivo na home UOL, UOL no YouTube e Facebook do UOL.

Veja a íntegra do programa:

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes