Conteúdo publicado há 27 dias

Comandante morre em voo, copiloto desvia a rota e pousa na Arábia Saudita

O piloto egípicio Hassan Youssef Adas morreu durante um voo da Sky Vision Airlines que seguia para a Arábia Saudita no dia 12 de junho.

O que aconteceu

O copiloto assumiu o controle e fez um pouso de emergência após 30 minutos. O avião saiu do Cairo, no Egito, e deveria pousar em Taif, na Arábia Saudita.

Após o ocorrido, a rota foi desviada para o Aeroporto Rei Abdulaziz, na cidade de Jedá, também na Arábia Saudita. As informações são do portal The Aviation Herald, que registrou o incidente aéreo envolvendo a aeronave da companhia.

Os passageiros foram avisados da morte do piloto ainda durante o voo. O copiloto anunciou o falecimento do "irmão e amigo" e pediu desculpas pelo desvio de rota, segundo o jornal Israel Hayom.

Piloto havia passado por exame médico três meses antes. Em entrevista ao jornal Arabia Weather, o cardiologista Jamal Shaaban disse que as informações indicam que o piloto morreu após um ataque cardíaco. O médico acrescentou que os sintomas sentidos pelo comandante, como fadiga grave e repentina, são sinais de ataque cardíaco.

A Associação de Pilotos Egípcios lamentou o falecimento. O grupo também apontou que o piloto teve uma "súbita crise de saúde".

Deixe seu comentário

Só para assinantes