Conteúdo publicado há 1 mês

Vídeo mostra tsunami meteorológico em praia de Maiorca, na Espanha

Um tsunami meteorológico aconteceu na última quarta-feira (19) em uma praia de Maiorca, uma ilha da Espanha. Ninguém ficou ferido.

O que aconteceu

A água invadiu a faixa de areia e chegou às ruas da cidade, segundo o jornal britânico The Sun. O fenômeno aconteceu em Puerto Alcudia, uma cidade bastante turística da ilha. Vídeos mostram banhistas correndo para fugir da correnteza, mas não houve feridos e nenhum dano significativo foi registrado.

Fenômeno é marcado pela rápida mudança de nível da água. Segundo a MetSul, os tsunamis meteorológicos são causados por perturbações na pressão atmosférica. Em apenas 15 minutos, o nível do mar pode subir ou descer de forma muito perceptível e depois voltar ao seu estado normal, explicou um representante da Aemet (Agência Estatal de Meteorologia da Espanha) ao The Sun.

Moradores estão relativamente acostumados com o fenômeno e têm um sistema de alerta, segundo o jornal britânico Metro. A Aemet tinha avisado sobre a possibilidade do tsunami. O órgão nacional alertou que havia de 40% a 70% de possibilidade de tsunamis meteorológicos acontecerem entre quarta e quinta-feira, de acordo com o The Sun.

Tsunami meteorológico é diferente de tsunamis comuns ou ressacas. Os tsunamis comuns são provocados por terremotos. Já a ressaca é causada por rajadas de vento próximas à superfície do mar por um período mais permanente, e não tão rápido quanto no tsunami meteorológico, segundo o Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais). A ressaca também pode ser causada pela maré astronômica ou pode ser resultado da propagação de ondas originadas por ventos em regiões mais remotas.

Deixe seu comentário

Só para assinantes