Topo

Cantor Alejandro Sanz viajará ao Ártico com o Greenpeace

Em Madri

2013-07-11T14:29:17

11/07/2013 14h29

O cantor espanhol Alejandro Sanz se juntará, entre os dias 14 e 20 de julho, à expedição ao Ártico que o Greenpeace realizará para evidenciar a necessidade de proteger esse ecossistema único.

A travessia tem, entre seus objetivos, comprovar o retrocesso sofrido pelas geleiras e pela camada de gelo do Ártico "devido à mudança climática", assim como "evidenciar" o perigo que representaria um vazamento de petróleo neste local praticamente inexplorado e também como seus habitantes perderiam sua terra, informou o Greenpeace.

"Temos que ter consciência que, se salvarmos o Ártico, salvaremos muito mais. É a batalha ambiental mais importante do momento, porque está em jogo um dos poucos lugares do planeta onde ainda existe um equilíbrio, e porque o que sucede ali afeta a todos", expressou Sanz no comunicado enviado pela organização não governamental.

O artista espanhol viajará ao extremo Sul do círculo polar ártico para testemunhar a beleza desta terra e a forma de vida dos inuits - o povo original que habita esse território -, assim como a maneira que a mudança climática e a pressão humana ameaçam sua forma de vida e a natureza sobre a qual se sustenta esta comunidade.

Segundo relatório do Greenpeace, o Ártico pode ficar sem gelo dentro de 10 ou 20 anos, com graves efeitos sobre a população, a fauna, a flora e a economia.

Sanz fará um pedido global para que pessoas no mundo todo se unam ao Greenpeace através do site Salve o Ártico para declarar esta região um "santuário protegido", ou seja, "criar uma região protegida no polo Norte onde se proíba a extração petrolífera e a pesca industrial".

Mais de 3 milhões de pessoas, informou a organização, já se uniram à campanha para que as empresas petrolíferas deixem o Ártico.

Mais Meio Ambiente