Topo

Petista histórico, Suplicy assina lista de apoio para criação de partido de Marina Silva

Camila Campanerut

Do UOL, em Brasília

16/02/2013 22h26

O senador petista Eduardo Suplicy (SP) foi ovacionado no início da noite deste sábado (16) ao apresentar apoio à amiga e ex-colega de Senado Marina Silva. Suplicy chegou já perto do fim do evento de lançamento do partido "Rede Sustentabilidade", de Marina, e cumprimentou outra ex-companheira de Senado, a alagoana Heloisa Helena (PSOL).

Após um longo discurso no qual contou as experiências que partilhou com Marina Silva, Suplicy assinou a lista de apoiadores --que precisa ultrapassar o número de 500 mil assinaturas de eleitores, em pelo menos nove Estados, segundo exigência do TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Se coletadas até o fim setembro deste ano, o pedido de registro da legenda permitirá que a Rede participe das eleições em 2014.

“Ele não está se filiando, ele está assinando para que a Rede vire um partido”, respondeu rapidamente Marina, ao ver o clamor dos presentes com a ação do parlamentar petista, e para evitar mal-entendidos.

Sob os gritos de “Vem para rede, vem, Suplicy”, o senador afirmou que pretende continuar no partido que ajudou a fundar, o PT, apesar de ficar "tentado a cair na rede”, em referência ao nome da nova legenda.

“Tenho razões para lhes dizer: eu sou do PT, fico honrado e tentado a cair na rede, mas eu tenho compromisso sim enquanto o PT estiver de portas abertas a essas proposições”, afirmou, em relação a propostas de sua autoria, como renda mínima e transparência nos gastos do governo federal.

Gil e Wagner Moura apoiam novo partido de Marina Silva

Mais Política