Processo de impeachment

PM leva até caveirão à praia em dia de protesto com funk em Copacabana

Hanrrikson de Andrade

Do UOL, no Rio

  • Hanrrikson de Andrade/UOL

    A PM deslocou grande efetivo, incluindo o blindado "caveirão", para os atos em Copacabana, no Rio

    A PM deslocou grande efetivo, incluindo o blindado "caveirão", para os atos em Copacabana, no Rio

A Polícia Militar deslocou grande efetivo para os atos pró e contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff na praia de Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro, neste domingo (17), dia da votação do processo  Câmara dos Deputados. 

Até o popular caveirão, veículo blindado utilizado para operações contra o tráfico de drogas nas favelas, circula pela orla. A reportagem abordou oficiais da corporação presentes no local, porém eles não informaram o número de homens e mulheres designados para o esquema de segurança.

A preocupação da PM é grande em função da marcação de duas manifestações com objetivos políticos diferentes para a praia de Copacabana. À tarde, integrantes de grupos pró-impeachment vão acompanhar a votação em telões montados no trecho entre os postos 5 e 6. A passeata contra o impeachment, organizada pela produtora de funk Furacão 2000, seguirá do posto 3 em direção ao Leme. Durante o trajeto, artistas de funk vão se apresentar para o público.

A polícia informou que faria um cordão de isolamento para evitar possível contato entre os protestos rivais. No entanto, a estrutura ainda não havia sido montada até 9h30.

Segundo PMs, como o ato contra impeachment ainda está na concentração, a medida ainda não se faz necessária. "A gente vai ter que fechar a pista da Atlântica, se for necessário. Como isso pode atrapalhar o trânsito, vamos segurar por enquanto", disse um policial. As grades que serão utilizadas para eventual montagem da barreira estão em dois caminhões da Tropa de Choque.

Participam do esquema de segurança PMs dos batalhões da zona sul, da Tropa de Choque e do Bope (Batalhão de Operações Especiais), além de guardas municipais e agentes da Seop (Secretaria Especial de Ordem Pública).

No "Fla-Flu" da política, manifestantes disputam até grito de guerra

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos