Calero nega ter pedido audiência para gravar conversa com Temer

Do UOL, em São Paulo

  • José Cruz/Agência Brasil

    O ex-ministro da Cultura Marcelo Calero

    O ex-ministro da Cultura Marcelo Calero

O ex-ministro da Cultura Marcelo Calero usou sua página pessoal no Facebook nesta sexta-feira (25) para negar que tenha pedido audiência com o presidente Michel Temer com a intenção deliberada de gravar o encontro. Para Calero, no caso, ele teria cumprido sua "obrigação como cidadão brasileiro que não compactua com o ilícito".

Calero pediu demissão do cargo de ministro na semana passada alegando ter sido pressionado pelo agora ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) a liberar a construção de um edifício em Salvador, vetado parcialmente pelo Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, subordinado ao Ministério da Cultura).

Na noite de quinta-feira (24),Temer comentara o caso e a gravação de Calero, através de seu porta-voz, Alexandre Parola: "Especialmente, surpreendem o presidente da República boatos de que o ex-ministro teria solicitado uma segunda audiência, na quinta-feira (17), somente com o intuito de gravar clandestinamente conversa com o presidente da República para posterior divulgação".

Leia a seguir a íntegra da nota divulgada por Calero:

"A repeito de informações disseminadas, a partir do Palácio do Planalto, de que eu teria solicitado audiência com o presidente Michel Temer no intuito de gravar conversa no Gabinete Presidencial, esclareço que isso não ocorreu.

Durante minha trajetória na carreira diplomática e política, nunca agi de má-fé ou de maneira ardilosa.

No episódio que agora se torna público, cumpri minha obrigação como cidadão brasileiro que não compactua com o ilícito e que age respeitando e valorizando as instituições".

Josias: Temer virou presidente diferente do que o Brasil precisa

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos