Topo

Casa de Cabral avaliada em R$ 8 milhões vai a leilão, mas não recebe lances

Resort do Portobello onde o ex-governador Sérgio Cabral possuía uma casa no litoral do Rio - Reprodução/Portobello
Resort do Portobello onde o ex-governador Sérgio Cabral possuía uma casa no litoral do Rio Imagem: Reprodução/Portobello

Do UOL, no Rio*

04/09/2018 17h34Atualizada em 04/09/2018 18h40

Uma casa do ex-governador Sérgio Cabral avaliada em R$ 8 milhões não recebeu nenhum lance de possível comprador em um leilão presencial realizado na tarde desta terça-feira (4) no Rio de Janeiro.

O imóvel fica no condomínio Portobello, em Mangaratiba, no litoral sul do Rio de Janeiro, e tinha lance mínimo estabelecido pela Justiça de R$ 6,4 milhões.

A casa fazia parte de uma série de bens de Cabral e da ex-primeira-dama Adriana Ancelmo que estavam bloqueados pela Justiça Federal. Quem também tem um imóvel no mesmo condomínio é o jogador Neymar, do Paris Saint-Germain.

O juiz Marcelo Bretas, da 7ª vara Federal do Rio havia determinado um bloqueio de bens do casal e de outros nove condenados por corrupção, lavagem de dinheiro e formação de organização criminosa até um montante máximo de R$ 224 milhões. Nesta terça-feira também foram leiloados uma moto aquática por R$ 50 mil e uma lancha de pequeno porte por R$ 85,5 mil.

Cabral e sua mulher decidiram abrir mão dos bens para que eles pudessem ir a leilão imediatamente em uma tentativa de reduzir penas em caso de eventuais condenações. Ainda vão a leilão apartamentos, lanchas, carros e relógios importados. 

A Justiça deve tentar leiloar a mansão novamente no próximo dia 13, por um valor inicial cerca de 20% mais baixo. O imóvel já estava disponível em um leilão virtual na internet, mas também não havia recebido lances.

Cabral está preso desde novembro de 2016. Adriana Ancelmo recebeu em agosto o direito de cumprir pena por meio de uso de tornozeleira eletrônica.

Em decisão de 2017, o juiz Marcelo Bretas determinou que a mansão e outros bens do casal fossem a leilão mesmo antes do esgotamento de todos os recursos da defesa para evitar sua deterioração.

* Com informações da Agência Brasil

Política