Topo

Janaina critica debate antecipado sobre eleições e defende foco em mandatos

Do UOL, em São Paulo

24/08/2019 12h59Atualizada em 24/08/2019 13h23

A deputada estadual Janaina Paschoal (PSL-SP) criticou a antecipação do debate em torno das eleições presidenciais de 2022, após o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) ressaltar as divergências entre o governador de São Paulo, João Doria (PSDB) e o presidente Jair Bolsonaro (PSL). A parlamentar sugeriu que os governantes se concentrem em seus atuais mandatos.

"Quem ganha quando FHC diz que Doria e Bolsonaro são adversários e não aliados? São Paulo perde, Brasil perde! Estamos muito longe das eleições. Estimular animosidades só prejudica a população. O Governador precisa do Presidente e o Presidente do Governador", declarou a parlamentar por meio de sua conta no Twitter.

"Melhor seria que todos os eleitos mantivessem suas energias em seus atuais mandatos. O que mata o Brasil é o eleito viver olhando para o futuro, negligenciando o presente. Não sabemos nem quem estará vivo em 2022. Não sabemos quem estará vivo amanhã", afirmou Paschoal.

Segundo ela, "todos aqueles que fizerem bons mandatos serão candidatos bons". "Até 2022, ainda há muito a ser feito, melhor não antecipar o debate. Ninguém ganhará com isso! Aliás, já começamos a perder com esse clima de disputa estéril."

Mais Política