Topo

Ministro rebate acusações e quer conversa com Bolsonaro ao voltar da China

O ministro Marcelo Álvaro Antônio, do Turismo, e o presidente Jair Bolsonaro - Marcos Corrêa-24.abr.2019/PR
O ministro Marcelo Álvaro Antônio, do Turismo, e o presidente Jair Bolsonaro Imagem: Marcos Corrêa-24.abr.2019/PR

Do UOL, em São Paulo

09/10/2019 23h22

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, afirmou mais uma vez não ter envolvimento com o caso de candidatas laranja no PSL de Minas Gerais. Antônio concedeu uma entrevista exclusiva ao jornal SBT Brasil.

Durante a entrevista, o ministro contou que ainda não conversou pessoalmente com o presidente Jair Bolsonaro sobre o tema e que espera voltar de uma viagem da China para ser encaixado na agenda presidencial. "Na volta certamente irei conversar com o presidente Jair Bolsonaro", afirmou.

O ministro foi indiciado em um inquérito que investiga o uso de candidatas laranja e caixa 2, quando era candidato a deputado pelo PSL de Minas Gerais e presidente estadual da legenda. As denúncias também afetam a campanha presidencial de Bolsonaro.

Antônio negou ter conhecimento das irregularidades e garantiu que as ex-candidatas que o acusam de desvio de verbas "fizeram campanha".

Política