PUBLICIDADE
Topo

Rio vai montar hospitais de campanha no Maracanã e em mais três locais

Wilson Witzel (PSC), governador do Rio de Janeiro - Dikran Junior/Futura Press/Estadão Conteúdo
Wilson Witzel (PSC), governador do Rio de Janeiro Imagem: Dikran Junior/Futura Press/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

26/03/2020 08h52

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC) disse hoje que vai montar um hospital de campanha no estádio do Maracanã para tratar dos pacientes com coronavírus na cidade.

Além do estádio, serão montados outros três hospitais provisórios na Barra da Tijuca, Nova Iguaçu e São Gonçalo.

"Toda essa logística está bem adiantada e deve ficar pronta em no máximo 15 dias", disse Witzel em entrevista na manhã de hoje ao jornal Bom Dia Rio.

Witzel ainda criticou o governo federal prevendo que a falta de solução pode levar os estados a "um verdadeiro caos", completando que o Rio de Janeiro vai distribuir cestas básicas aos mais carentes.

"Não tem como o RJ socorrer a todos. O que vamos fazer é distribuir 1 milhão de cestas básicas para os mais necessitados", disse o governador.

Coronavírus