PUBLICIDADE
Topo

Lewandowski critica MP de Bolsonaro: 'Difícil é proteger as minorias'

25.jun.2019 - O ministro Ricardo Lewandowski durante sessão da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), em Brasília - Gabriela Biló/Estadão Conteúdo
25.jun.2019 - O ministro Ricardo Lewandowski durante sessão da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), em Brasília Imagem: Gabriela Biló/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

09/04/2020 11h02

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Ricardo Lewandowski demandou que a medida provisória de redução dos salários e suspensão dos contratos de serviços sejam avaliadas pelo sindicato da respectiva categoria.

Em um desabafo à coluna de Carolina Brígido, da revista Época, Lewandowski afirmou que "agradar a maioria é fácil. Difícil é proteger as minorias".

Agora, o assunto deve ser levado ao plenário do STF, onde os outros ministros divergem sobre a decisão de Lewandowski em defesa dos trabalhadores.

Segundo a coluna, em off, os ministros defendem até mesmo flexibilizar normas constitucionais, incluindo a irredutibilidade de salário.

A expectativa para a votação da semana que vem é de que o STF costure um meio termo entre a MP de Bolsonaro e o entendimento de Lewandowski.

Coronavírus