PUBLICIDADE
Topo

Kennedy: Caso Queiroz deve decidir desembarque de militares do governo

Do UOL, em São Paulo

26/06/2020 12h00

As conclusões das investigações do caso do ex-assessor Fabrício Queiroz podem impactar o governo Jair Bolsonaro? Essa é uma das questões analisadas no podcast Baixo Clero #45, do UOL, pela apresentadora, Carla Bigatto, e pelos jornalistas Kennedy Alencar, Diogo Schelp e Carolina Trevisan.

Os colunistas do UOL focaram em um sustentáculo importante do governo Bolsonaro e que, segundo eles, é decisivo para a popularidade do presidente: o apoio dos militares.

Na opinião de Kennedy, o caso Queiroz pode fazer com que os militares se afastem de Bolsonaro. "Eu acho que o que pode afastar os militares brasileiros do Bolsonaro e fazer com que eles [militares] sejam mais respeitosos em relação à Constituição é o caso Queiroz e as complicações do Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) e do Jair Bolsonaro, que estão envolvidos nas investigações". (ouça a partir do minuto 20:00)

Kennedy Alencar complementa dizendo que as investigações envolvendo o ex-assessor fizeram o presidente se silenciar nas redes sociais. "Bolsonaro está quietinho. Ele mais moderado agora é o medo da polícia e da Justiça. Queiroz está preso em Bangu e pode levar os militares a ter mais cautela em relação a essa aventura que é o governo Bolsonaro. Ele [Jair Bolsonaro] é uma mancha na nossa história que vamos nos arrepender muito quando isso passar", aponta.

Baixo Clero está disponível no Spotify, na Apple Podcasts, no Google Podcasts, no Castbox, no Deezer e em outros distribuidores. Você também pode ouvir o programa no YouTube. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Política