PUBLICIDADE
Topo

Governador do RS se emociona e diz que próximos 15 dias serão cruciais

Do UOL, em São Paulo

02/07/2020 10h32Atualizada em 02/07/2020 15h16

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), se emocionou durante um pronunciamento feito hoje para a população do estado. De acordo com o político tucano, os próximos 15 dias serão cruciais na luta contra a pandemia de covid-19.

Leite afirmou que, além do novo coronavírus, a chegada do frio no estado pressiona o sistema de saúde e fez um apelo para que as pessoas respeitem os protocolos de distanciamento social e higiene.

"Os próximos 15 dias vão ser cruciais. O apelo não é só meu, mas é de todos que pensam e que agem com racionalidade. Nos próximos 15 dias, fique em casa, lave as mãos, use máscara e respeite os protocolos. Faça a sua parte porque, especialmente numa pandemia, em que um vírus circula sem encontrar barreiras, um governo não governa sozinho", afirmou.

O governador também alertou que não é o momento de encontros desnecessários e disse que solidariedade e racionalidade são duas armas eficazes no combate.

"Não é momento de confraternizações ou encontros desnecessários. É curioso que essa doença incompreensível ainda, pode ser combatida com duas armas simples, eficazes e que estão ao alcance de todos: a solidariedade e racionalidade", apontou.

De acordo com o último levantamento divulgado pelo Ministério da Saúde, o Rio Grande do Sul registra 636 mortes oficiais e 28.171 casos de covid-19.

Coronavírus