PUBLICIDADE
Topo

Governo Bolsonaro

Após sabatina, Bolsonaro confirma nomeação de Kassio Marques para o STF

Do UOL, em São Paulo

22/10/2020 13h44

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nomeou hoje, em edição extra do DOU (Diário Oficial da União), o jurista Kassio Nunes Marques para exercer o posto de ministro do STF (Supremo Tribunal Federal).

A nomeação publicada por Bolsonaro confirma a deliberação do plenário do Senado que, ontem, aprovou por 57 votos a 10 a indicação do desembargador para assumir a vaga de Celso de Mello no Supremo.

Com a confirmação, Kassio se tornou o primeiro ministro do STF nomeado por Bolsonaro. O jurista atuava como desembargador do TRF-1 (Tribunal Regional Federal da 1ª Região) antes de ser indicado para a vaga de Celso de Mello.

Agora oficialmente nomeado, Kassio aguarda apenas a marcação da sessão de posse para assumir o posto de ministro do STF.

Ontem, mais cedo, antes de ter seu nome apreciado pelo plenário do Senado, Kassio foi submetido a uma sabatina na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) que durou mais de nove horas. Lá, respondeu sobre aborto, Lava Jato e a questionamentos sobre seu currículo.

Em 2021, Bolsonaro terá a oportunidade de fazer mais uma indicação para o STF para ocupar a vaga do ministro Marco Aurélio Mello, que se aposentará em julho.

Governo Bolsonaro