PUBLICIDADE
Topo

Dois em cada cinco casos de coronavírus no Brasil estão em São Paulo

Anaís Motta

Do UOL, em São Paulo

05/04/2020 18h20Atualizada em 06/04/2020 13h39

São Paulo é, de longe, a unidade federativa que registra mais casos de infecção pelo novo coronavírus no Brasil. Segundo boletim divulgado hoje pelo Ministério da Saúde, 4.620 pessoas já tiveram resultado positivo para coronavírus no estado —41,5% do total registrado no Brasil.

Isso significa que a cada cinco exames positivos para coronavírus feitos no País, pelo menos dois estão em São Paulo. O estado ainda concentra mais de dois terços (69,2%) dos casos oficiais da região Sudeste.

Mais da metade (275) das mortes por covid-19 registradas no Brasil também está em SP. O País, ainda de acordo com o Ministério da Saúde, tem 486 óbitos.

Em recente entrevista à coluna de Jamil Chade no UOL, o governador João Doria (PSDB-SP) afirmou que São Paulo faz 3 mil testes para covid-19 por dia, o que pode ajudar a explicar a alta incidência de casos no estado.

Apoio às medidas de isolamento

O estado está em quarentena desde o dia 24 de março. Apenas serviços essenciais, como hospitais, supermercados e bancas de jornais, por exemplo, podem seguir funcionando. O período estabelecido foi de 15 dias, até 7 de abril, mas Doria pode decidir estendê-lo.

Alinhado às recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde), o tucano tem defendido políticas de distanciamento social e travado conflitos com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que insiste em se referir à doença como "gripezinha" e pregar a volta à rotina.

No último dia 30, durante coletiva, Doria chegou a pedir que a população de São Paulo não dê ouvidos a Bolsonaro.

"Atendam às recomendações de profissionais especializados na medicina de infectologia, aqueles que conhecem este tema. Não sigam as orientações do presidente da República. Ele não orienta corretamente a população e, lamentavelmente, não lidera o Brasil no combate ao coronavírus e na preservação da vida", declarou o governador.

Coronavírus