PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
1 mês

Brasil alcança 7,1 milhões de vacinados contra covid, 3,36% da população

Estádio do Pacaembu, no centro, no segundo dia de imunização de idosos entre 80 e 84 anos - Arthur Stabile/UOL
Estádio do Pacaembu, no centro, no segundo dia de imunização de idosos entre 80 e 84 anos Imagem: Arthur Stabile/UOL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

02/03/2021 20h10Atualizada em 03/03/2021 09h10

O Brasil chegou aos 7,1 milhões de vacinados contra a covid-19 nesta terça-feira (2). Até o momento, pelo menos uma dose de vacina foi aplicada em 7.106.147 de brasileiros — o correspondente a 3,36% da população nacional. Os dados são do consórcio de veículos de imprensa do qual o UOL faz parte, baseado nas informações divulgadas pelas secretarias estaduais de saúde.

Nas últimas 24 horas, 335.551 pessoas receberam a primeira dose da vacina. Já a segunda dose foi aplicada em 154.029 brasileiros de ontem para hoje.

No total, 2.166.982 pessoas receberam as duas doses de vacina, conforme recomendado pelos laboratórios que produzem a CoronaVac e a Oxford/AstraZeneca. O número equivale a apenas 1,02% da população brasileira.

O Amazonas continua sendo o estado que, proporcionalmente, tem o maior número de vacinados. Já são 254.134 habitantes que receberam pelo menos uma dose de vacina - ou seja, 6,04% da população do estado. O Pará permanece como o estado que menos aplicou doses, em termos percentuais: 1,62% de seus habitantes.

Mato Grosso do Sul lidera entre os estados que mais distribuíram as duas doses proporcionalmente: 1,8% de sua população.

Transmissão da covid tem alta expressiva no Brasil, alerta Imperial College

A taxa de transmissão da covid-19 no Brasil teve uma alta expressiva, de acordo com um levantamento feito pela universidade britânica Imperial College de Londres. O estudo foi divulgado nesta terça-feira (2), e faz um comparativo com o levantamento divulgado na semana passada pela instituição.

Agora, o Rt, que é o índice que mede a transmissão, está em 1,13, ante os 1,02 e 1,03 apresentado em dias anteriores. O número indica que 100 brasileiros infectados podem transmitir a doença para outras 113 pessoas.

A margem do Rt brasileiro para o Imperial College pode variar entre 1,10 e 1,15. Quando o índice de transmissão está acima de 1, significa que a covid-19 está sem controle. Desde dezembro o Brasil apresenta uma taxa de Rt acima de 1.

Segundo as projeções, o Brasil poderá registrar 9.190 mortes pela covid-19 nesta semana. A universidade britânica acredita que, no pior dos cenários, os casos fatais no país podem chegar a 9.500.

Veículos se unem pela informação

Em resposta à decisão do governo Jair Bolsonaro de restringir o acesso a dados sobre a pandemia de covid-19, os veículos de comunicação UOL, O Estado de S. Paulo, Folha de S.Paulo, O Globo, G1 e Extra formaram um consórcio para trabalhar de forma colaborativa para buscar as informações necessárias diretamente nas secretarias estaduais de Saúde das 27 unidades da Federação.

O governo federal, por meio do Ministério da Saúde, deveria ser a fonte natural desses números, mas atitudes de autoridades e do próprio presidente durante a pandemia colocam em dúvida a disponibilidade dos dados e sua precisão.

Você utiliza a Alexa? O UOL fornece informações à inteligência artificial por voz da Amazon, com boletins de notícias e dados atualizados do número de brasileiros vacinados contra a covid-19. Para saber sobre a vacinação no país ou no seu estado com a credibilidade do UOL, pergunte: "Alexa, quantas pessoas já foram vacinadas no Brasil?", por exemplo, ou "Alexa, quantas pessoas foram vacinadas?". Nos encontramos lá!

Coronavírus