PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
6 meses

Covid-19: Vacinação em postos drive-thru é suspensa temporariamente em SP

Idosos foram vacinados contra a covid-19 em posto drive-thru no Memorial da América Latina, na Zona Oeste de São Paulo - Divulgação/Governo do Estado de São Paulo
Idosos foram vacinados contra a covid-19 em posto drive-thru no Memorial da América Latina, na Zona Oeste de São Paulo Imagem: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo

Do UOL, em São Paulo

06/04/2021 10h08Atualizada em 06/04/2021 16h07

A vacinação contra a covid-19 nos postos de drive-thru foi suspensa temporariamente pela Prefeitura de São Paulo, segundo informa Vacina Sampa, site da gestão municipal.

Mesmo com a suspensão, a campanha segue ativa normalmente nas 468 UBS (Unidades Básicas de Saúde), em 17 SAEs (Serviços de Atenção Especializada) e nos CS (Centros de Saúde).

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, os postos serão reabertos quando as vacinas para próxima faixa-etária estiverem disponíveis. A pasta acrescenta que 93,8% dos idosos entre 65 e 69 anos foram vacinados.

A secretaria informou que os idosos a partir de 65 anos contemplados com a vacina integram os grupos elegíveis, do qual os profissionais de saúde fazem parte. Para a população geral, a idade mínima de vacinação ainda é 68 anos.

As equipes de vacinação serão remanejadas para as unidades de vacinação do município e vão reforçar o atendimento em toda a rede da Secretaria Municipal da Saúde.

Em entrevista à CNN hoje, o secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido, disse que a capital chegou a imunizar 94% dos idosos com 68 anos, que é o grupo prioritário de imunização por idade.

De acordo com o secretário, a desativação dos postos de drive-thru ocorre pela queda na demanda desse serviço nessa rodada de vacinação.

"Normalmente tem um funcionamento muito grande nos dois, três primeiros dias da abertura da vacinação das novas faixas, em seguida ele cai muito. Pra você ter uma ideia, normalmente num dia como o de hoje, são 10 pessoas que vão no drive-thru se vacinar. Diferente de sexta-feira, que tivemos 40% dessa faixa etária de 68 anos vacinada. Por isso, a gente desativa o drive-thru temporariamente, os profissionais de saúde vão para as unidades fazer o atendimento médico", explicou em entrevista para a TV.

Grupos prioritários

No momento, a capital atende o grupo prioritário de idosos com 68 anos, profissionais de saúde a partir dos 52 anos, pessoas em situação de rua, trabalhadores de cemitérios públicos e privados e trabalhadores no atendimento direto a vulneráveis da SMADS (Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social) e da SMDHC (Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania).

Outros grupos também podem se vacinar em São Paulo, como cremadores, condutores dos veículos de cemitérios públicos e privados. A população indígena e os quilombolas também poderão se vacinar contra a covid-19 na capital.

Pessoas com 18 anos ou mais com deficiência, que moram em Residências Inclusivas institucionalizadas também poderão ser imunizadas. Dentro desse grupo, também estão pessoas com 60 anos ou mais que vivem em instituições de longa permanência.

Os pontos de vacinação nas UBSs seguem com o atendimento normal de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Nas Amas/UBSs Integradas, o atendimento é das 7h às 19h de segunda a sábado. Já nos Centros de Saúde, o atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Ampliação dos postos de vacinação

O secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido, informou na última semana em entrevista à GloboNews que a pasta prevê dobrar o número de postos de saúde que oferecem vacinação contra a covid-19.

A ideia seria ampliar de 500 para mil postos de saúde, além de ampliar o atendimento por drive-thrus. O aumento dos pontos acontecerá a partir da ampliação das faixas etárias.

O objetivo, segundo o secretário de Saúde, Edson Aparecido, é "atingir a população mais jovem, que circula em outros pontos da cidade".

Postos de vacinação na capital paulista

468 Unidades Básicas de Saúde (UBS)
Horário: De segunda a sexta, das 7h às 19h
Os endereços podem ser acessados por esta lista.
Os endereços também podem ser acessados pela ferramenta Busca Saúde.

AMAS/UBS Integradas
Funcionamento: 7h às 19h, inclusive aos sábados e feriados.
Veja aqui a lista com os endereços das AMA/UBS Integradas

Centros de Saúde - CS

  • CS Escola Barra Funda - Alexandre Vranjac - Av. Dr. Abrãao Ribeiro, 283 - Bom Retiro

Atendimento para vacinação: de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h

  • CS Escola Geraldo de Paula Souza - Av. Dr. Arnaldo, 925 - Sumaré

Atendimento para vacinação: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h

  • CS Escola Samuel Barnsley Pessoa - Av. Vital Brasil, 1.490 - Butantã

Atendimento para vacinação: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h

17 SAEs - Serviços de Atenção Especializada
Funcionamento: de segunda a sexta-feira
Veja aqui a lista com os endereços dos Serviços de Atenção Especializada

Coronavírus