PUBLICIDADE
Topo

Saúde

Conteúdo publicado há
1 mês

Casos de covid-19 crescem 18% em uma semana no mundo, diz OMS

iStock
Imagem: iStock

Do UOL, em São Paulo

30/06/2022 12h01

A OMS (Organização Mundial da Saúde) contabilizou um aumento de 18% nos casos de coronavírus registrados no mundo entre 20 e 26 de junho, a terceira semana consecutiva de elevação de casos globais da covid-19. No relatório semanal da organização, divulgado ontem, foram registrados 4,1 milhões de novos casos.

No aspecto regional, os casos registrados no Oriente Médio subiram 47% em relação à semana anterior, enquanto a África teve a maior tendência de queda avaliada — foram 39% confirmações a menos no comparativo da OMS. Também caíram, em 3%, os casos registrados nas nações do Pacífico Oeste. O restante das regiões seguiu por uma tendência de alta.

Em relação aos países, os Estados Unidos tiveram mais de 701 mil casos, e foram seguidos no ranking pela Alemanha, com mais de 504 mil, e pelo Brasil, com 349,8 mil infecções.

As mortes causadas pela doença também cresceram no período, mas em 3%, percentual menor do que o relativo aos casos. As Américas, o Oriente Médio e o Sudeste Asiático registraram aumentos de mortes no levantamento — de 11%, 15% e 22%, respectivamente.

"Estas tendências devem ser interpretadas com cautela, pois vários países têm mudado progressivamente as estratégias de testes de covid-19, resultando em menor número geral de testes realizados e, consequentemente, menor número de casos detectados", pontuou a OMS no levantamento.

Situação no Brasil

Ontem, a média móvel de mortes causadas pela covid-19 no Brasil ficou em 226, chegando ao maior patamar desde 28 de março. Os dados são do consórcio de veículos de imprensa, do qual o UOL faz parte.

O índice segue em tendência de alta pelo sexto dia consecutivo. A variação em relação a 14 dias atrás foi de 52%. Se o valor fica acima de 15%, como hoje, indica alta; abaixo de -15%, significa queda, e entre 15% e -15% sinaliza estabilidade.

Além disso, 76.263 novos casos conhecidos da doença foram registrados hoje. Ao todo o país tem um acumulado de 32.283.345 testes positivos notificados.

A média móvel de casos ficou em 55.549. O indicador está em tendência de alta e variou 39% em relação a 14 dias atrás.

Saúde