Conteúdo publicado há 1 mês

Dengue: Brasil registra 94 mortes pela doença; BH decreta emergência

O Ministério da Saúde informou que 94 pessoas morreram em decorrência da dengue no país em 2024. O avanço da doença fez a Prefeitura de Belo Horizonte decretar situação de emergência.

O que aconteceu

Há 381 mortes em investigação, informou o ministério. Os dados da pasta são referentes até ontem à tarde e fazem parte do Painel de Monitoramento das Arboviroses.

Foram registrados 555.583 mil casos entre suspeitos e confirmados da doença no país neste ano. Desses, mais de 226 mil já foram confirmados.

Minas Gerais é o estado com maior incidência de casos prováveis da doença, 192.258. Em seguida estão São Paulo, o Distrito Federal e o Paraná, com 90 mil, 67 mil e 58 mil, respectivamente.

Reportagem do UOL mostrou que o aumento na busca por repelentes nas farmácias do DF deixou o produto mais caro ou em falta. A venda de repelentes subiu 60% neste ano em comparação com o mesmo período de 2023.

Belo Horizonte decreta situação de emergência

A capital mineira tem 3.718 casos e cinco mortes confirmadas pela dengue. Além disso, são 259 casos de chikungunya — nenhum caso de zika foi confirmado.

A situação de emergência é válida por 180 dias, mas pode ser prorrogada. O decreto, assinado pelo prefeito Fuad Noman (PSD), foi publicado no Diário Oficial do Município neste sábado (17).

Com a medida, a prefeitura poderá adquirir bens e serviços para enfrentamento das doenças sem licitações. Além disso, também fica liberada a contratação de profissionais para a rede de saúde pública, bem como a extensão de contratos temporários e ampliação da carga horária dos servidores.

Continua após a publicidade

Combate aos focos é facilitado. O decreto permite, ainda, a entrada das equipes de fiscalização em imóveis públicos e particulares vagos ou abandonados, para ações de combate aos focos do mosquito Aedes aegypti. "A abertura forçada também será autorizada para os imóveis habitados quando houver recusa para o acesso dos Agentes de Combate a Endemias (ACE)", explica a prefeitura.

Além de Belo Horizonte, as cidades de Florianópolis e Rio de Janeiro já decretaram situação de emergência por causa da dengue. O estado mineiro, Acre, Goiás e o Distrito Federal também publicaram decretos nesse sentido.

Fica declarada a existência de situação anormal caracterizada como situação de emergência em saúde pública no município de Belo Horizonte, ocasionada por aumento significativo e transitório do cenário epidemiológico de arboviroses, espécies de Doenças Infecciosas Virais.
Trecho do decreto

Como se proteger

A dengue é transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypti. Por isso, a melhor forma de evitar a transmissão é combater a proliferação do inseto. O importante é eliminar possíveis locais de armazenamento de água como manter a caixa d'água fechada e encher até a borda os pratos das plantas com areia.

Colocar no lixo todo objeto não utilizado que possa acumular água também é uma recomendação dos especialistas. Além disso, é preciso manter as calhas limpas e não deixe água acumulada sobre a laje.

Continua após a publicidade

É importante também usar repelente.

Quais os sintomas da dengue

  • Febre alta;
  • Dor no corpo e nas articulações;
  • Dor atrás dos olhos;
  • Mal-estar;
  • Dor de cabeça;
  • Manchas vermelhas no corpo.

Deixe seu comentário

Só para assinantes