PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Esse conteúdo é antigo

Povos indígenas estão particularmente em risco devido à covid-19, alerta OMS

Representantes da aldeia Coroa Vermelha participam de manifestação contra o marco temporal e pela demarcação de terras indígenas - Tiago Miotto /Cimi
Representantes da aldeia Coroa Vermelha participam de manifestação contra o marco temporal e pela demarcação de terras indígenas Imagem: Tiago Miotto /Cimi

Stephanie Nebehay e Michael Shields

Genebra

20/07/2020 13h27

As comunidades indígenas, que somam meio milhão de pessoas em todo o mundo, estão particularmente vulneráveis à pandemia de coronavírus devido a condições de vida precárias, alertou a OMS (Organização Mundial da Saúde) hoje.

O diretor geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse que em 6 de julho havia mais de 70 mil casos contabilizados de covid-19 entre povos indígenas nas Américas, com mais de 2.000 mortes.

Ele pediu às nações que tomem todas as precauções de saúde necessárias, com ênfase especial no rastreio de contatos, para tentar conter a propagação da covid-19.

"Não podemos esperar uma vacina. Temos que salvar vidas agora", disse ele em uma entrevista coletiva pela internet da sede da agência da ONU em Genebra.

As infecções globais pela covid-19 alcançaram mais de 14,5 milhões, de acordo com uma contagem da Reuters, com mais de 600 mil mortes.

Coronavírus