Trump confirma apoio de delegados necessários para garantir nomeação republicana

Los Angeles, 26 Mai 2016 (AFP) - O bilionário Donald Trump declarou, nesta quinta-feira, que tem os delegados necessários para obter a nomeação do Partido Republicano para as eleições presidenciais de novembro nos Estados Unidos.

"As pessoas que nos apoiam nos permitiram superar a barreira" do número mínimo de delegados, disse Trump em uma coletiva de imprensa em Bismarck, Dakota do Norte (noroeste), acompanhado no palco por delegados deste estado, que declararam apoio ao empresário.

Mais cedo, pesquisas da agência Associated Press e da rede CNN já tinham indicado o apoio a Trump de 1.238 delegados, um a mais do que os 1.237 necessários para sua indicação.

O Partido Republicano não anunciará os resultados oficiais até a convenção prevista para julho, e por isso, diversas organizações fazem suas próprias contagens.

Trump é o único candidato republicano na disputa à casa Branca, depois da desistência de todos os demais.

O empresário teria cruzado a barreira, graças a um pequeno grupo de delegados que não está comprometido com nenhum candidato no primeiro turno da votação na convenção, mas que prometeu apoio a Trump.

O polêmico bilionário já era considerado o vencedor virtual por ser o único em campanha, coroando assim um caminho inesperado para a Casa Branca, que surpreendeu a política americana.

Todos os analistas concordam que Trump obteria de qualquer maneira os 1.237 delegados necessários durante a primária republicana a ser realizada em 7 de junho, na Califórnia.

Neste caminho, Trump eliminou nada menos do que 16 rivais republicanos. Os dois últimos a jogar a toalha foram o senador Ted Cruz e o governador de Ohio John Kasich, que estavam na beira do caminho no início de maio.

Apesar do sucesso nas primárias, Trump ainda enfrenta grande resistência por parte da liderança do partido, especialmente do influente Paul Ryan, presidente da Câmara dos Representantes, que insiste em dizer que não está "pronto" para apoiar o empresário.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos