PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Policial norueguês multa a si mesmo por navegar sem colete salva-vidas

O policial Arne Stavnes apareceu no jornal Verdens Gang (VG) patrulhando as águas de Utoya sem o colete salva-vidas - Reprodução/ Verdens Gang
O policial Arne Stavnes apareceu no jornal Verdens Gang (VG) patrulhando as águas de Utoya sem o colete salva-vidas Imagem: Reprodução/ Verdens Gang

Em Oslo

25/07/2016 08h19

Um policial norueguês, cuja fotografia a bordo de um barco sem um colete salva-vidas apareceu em um jornal local, decidiu multar a si mesmo para dar o exemplo.

O policial Arne Stavnes apareceu nas páginas do jornal Verdens Gang (VG) patrulhando as águas de Utoya, a ilha onde o extremista de direita Anders Behring Breivik assassinou 69 pessoas em 2011, um massacre que completou cinco anos na sexta-feira.

A fotografia provocou alguns comentários sarcásticos na internet em razão da ausência de colete salva-vidas, exigida pela lei norueguesa para barcos com mais de 8 metros de comprimento.

Em um gesto de integridade, o policial decidiu aplicar a si mesmo a multa por tal violação, 500 coroas (cerca de R$ 190).

De acordo com um estudo publicado no ano passado, 80% dos noruegueses confiam na polícia, apesar das falhas que ocorreram durante os ataques de Breivik, que, no total, matou 77 pessoas em 22 de julho de 2011.

Internacional