Kerry adverte Coreia do Norte para 'consequências reais' por seu programa nuclear

Vientiane, 26 Jul 2016 (AFP) - O secretário de Estado americano, John Kerry, afirmou nesta terça-feira à Coreia do Norte que seu programa nuclear e de mísseis pode ter "consequências reais".

"Juntos, estamos determinados - todos os que estamos reunidos aqui, talvez com uma exceção - a fazer com que a Coreia do Norte entenda claramente que estas ações têm consequências reais", declarou Kerry à imprensa no Laos, onde é realizada uma cúpula da Associação de Nações do Sudeste Asiático (Asean), que também conta com a participação das grandes potências.

"É essencial para o mundo e para todos os países aplicar completamente as sanções que foram decididas e temos a intenção de fazer isso", acrescentou, referindo-se às sanções internacionais adotadas contra a Coreia do Norte por seu programa nuclear e de mísseis.

Além disso, Kerry acusou a Coreia do Norte de ter um "comportamento provocador e profundamente preocupante" e considerou que é uma "grave ameaça, não apenas para esta região, mas também para a paz e a segurança internacionais".

nr-tib/jh/meb/pc/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos