Santos doará prêmio monetário do Nobel da Paz às vítimas na Colômbia

Em Bojayá

  • Xinhua/César Carrión/Presidencia de Colombia

    O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, conversa com crianças no município de Bojayá

    O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, conversa com crianças no município de Bojayá

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, ganhador do Nobel da Paz, anunciou neste domingo (9) que doará o prêmio monetário para reparar as vítimas do conflito armado interno de mais de meio século.

"Este grande prêmio Nobel, que alguns consideram o mais importante de todo o planeta, vem acompanhado de um prêmio também monetário. Quero anunciar a vocês que esta noite me reuni com minha família e tomamos a decisão de doar esses oito milhões de coroas suecas (US$ 925 mil) para que as vítimas possam ser reparadas", disse Santos após uma cerimônia religiosa com afetados pelo conflito armado em Bojayá (noroeste da Colômbia).

Acompanhado por sua esposa, seus filhos e vários membros de seu gabinete, o mandatário colombiano assegurou que entregará a quantia do prêmio "a obras, fundações ou programas que tenham a ver com as vítimas e com a reconciliação".

"Vamos perseverar, vamos persistir, persistir, persistir e persistir até que consigamos implementar o acordo assinado com as Farc". Se tiver que fazer ajustes ao que já acordamos então faremos ajustes", acrescentou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos