Sete soldados indianos morrem em ataque contra base militar

Srinagar, Índia, 29 Nov 2016 (AFP) - Sete soldados indianos morreram nesta terça-feira em um ataque contra a base militar em que estavam, situada no norte do país, perto da fronteira com o Paquistão, indicou o exército indiano em um comunicado.

O exército afirmou que quatro de seus soldados faleceram no ataque inicial, realizado por indivíduos fortemente armados e vestidos como policiais, que utilizaram granadas para sua ação.

Posteriormente, outros três soldados morreram durante a operação do exército para salvar 16 reféns, entre eles duas crianças, capturados pelos agressores.

Trata-se do ataque mais contundente contra uma base militar indiana desde o da instalação militar de Uri por parte dos rebeldes, que matou 19 soldados em meados de setembro. A Índia assegura que os rebeldes se refugiam no Paquistão.

O alvo foi o quartel general de Nagrota, nos estados de Jammu e Caxemira.

Situada a 90 km ao sul de Srinagar, grande cidade da Caxemira indiana, e a 20 km a leste da fronteira paquistanesa, Nagrota abriga um importante centro de comando militar regional.

A cidade se encontra na rota estratégica que une a disputada região da Caxemira ao resto da Índia.

O ataque ocorreu poucos dias antes da visita de um alto responsável paquistanês, a primeira na Índia desde o assalto a Uri.

"Isso parece claramente uma tentativa de certos grupos de sabotar o aparente gesto reconciliador do governo paquistanês", afirmou Mohan Guruswamy, diretor do "think tank" Centre for Policy Alternatives em Nova Délhi.

pzb-abh-cc/amd/pg/aoc/jz/cb/mvv

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos