Refugiado de 17 anos é preso por assassinato de estudante na Alemanha

Berlim, 3 dez 2016 (AFP) - Um jovem requerente de asilo afegão de 17 anos foi preso pelo estupro e assassinato de uma jovem estudante de 19 anos, anunciaram neste sábado a polícia e o Ministério Público de Freiburg (sudoeste da Alemanha).

O adolescente foi preso na sexta-feira, após ter tido seu DNA encontrado na cena do crime e ser reconhecido em imagens de câmeras de segurança, disseram autoridades durante uma coletiva de imprensa.

Ele também é suspeito de ter estuprado a jovem estudante em medicina, de acordo com as fontes.

O jovem, que preferiu manter-se em silêncio, chegou em 2015 proveniente do Afeganistão como menor não acompanhado na Alemanha, onde foi acolhido por uma família.

O corpo da jovem foi encontrado em 16 de outubro, nas margens do rio Dreisam em Freiburg. De acordo com a necrópsia, ela morreu afogada.

No dia anterior a sua morte, a vítima participou de uma festa estudantil e foi atacada quando retornava para casa de bicicleta. Seu corpo foi encontrado poucas horas depois.

A polícia ainda não estabeleceu se o acusado e a vítima tinham alguma ligação.

O caso, que causou grande comoção na Alemanha, ocorreu após outro assassinato de uma jovem na mesma região: em 10 de novembro, uma mulher de 27 anos foi encontrada morta, igualmente vítima de estupro, em uma floresta de Endingen, perto de Freiburg.

No entanto, os investigadores não encontraram nenhuma ligação com o assassinato da estudante de medicina.

De acordo com o escritório europeu de estatísticas Eurostat, cerca de 90.000 menores não acompanhados chegaram à União Europeia em 2015. Pouco mais da metade eram afegãos.

A Alemanha recebeu em 2015 cerca de 890.000 requerentes de asilo. Mas frente a um crescente descontentamento público, a chanceler Angela Merkel, que buscará um quarto mandato em 2017, acirrou sua política migratória.

bur-dsa/abk/mr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos