Sobe para 39 número de mortos em atentado na Somália

Mogadíscio, 20 Fev 2017 (AFP) - O balanço do atentado lançado no domingo por um suicida que detonou um carro-bomba na capital da Somália, Mogadíscio, subiu para 39 mortos, indicaram nesta segunda-feira os serviços de emergência.

"Trinta e nove pessoas morreram e outras 27 ficaram feridas", afirmou Abdurahman Adem, chefe do serviço de ambulâncias de Mogadíscio. O balanço anterior era de 20 mortos.

Segundo testemunhas, o atentado foi dirigido contra um cruzamento muito movimentado do bairro de Madina, no sul da capital, onde havia muitos comerciantes, civis que faziam compras e militares.

A ação não foi reivindicada até o momento, mas os islamitas radicais do Al Shabab, afiliados à Al-Qaeda, costumam realizar este tipo de operações em Mogadíscio.

O ataque ocorreu no mesmo dia em que o Al Shabab ameaçou lançar uma "guerra sem piedade" contra o novo presidente somali, Mohamed Abdullahi Mohamed, conhecido como Farmajo, e seu governo, segundo o Grupo de Inteligência SITE, especializado na vigilância das páginas da internet islamitas.

nur-tmc/cyb/ndy/ra/me/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos