EUA pede que Rússia respeite 'imediatamente' trégua na Ucrânia

Washington, 26 Fev 2017 (AFP) - O governo dos Estados Unidos pediu neste domingo à Rússia que respeite "imediatamente" o cessar-fogo que entrou em vigor na Ucrânia em 20 de fevereiro.

"Pedimos à Rússia e às forças separatistas que esta apoia (no leste do país) que respeitem imediatamente o cessar-fogo, retirem todas as armas pesadas e permitam o acesso total e sem restrições aos observadores da OSCE (Organização para a Segurança e a Cooperação na Europa)", disse o Departamento de Estado em um comunicado.

O porta-voz da diplomacia americana, Mark Toner, assegurou que os Estados Unidos estão acompanhando de perto os acontecimentos.

"Condenamos o ataque que a Missão Especial de Observação da OSCE (SMM) sofreu na sexta-feira e a captura de um veículo aéreo não tripulado da SMM pelas forças separatistas pró-russas", afirmou Toner.

"É imperativo que estas forças detenham seus ataques contra infraestruturas civis, incluindo a estação de tratamento de água de Donestsk", acrescentou.

A reação do governo americano chega um dia depois de que as autoridades ucranianas informaram que 16 dos seus soldados tinham sido feridos nas últimas 24 horas, em meio a uma escalada de violência, apesar da trégua entre a Ucrânia e a Rússia em vigor desde segunda-feira passada.

O conflito na Ucrânia, que já dura quase três anos, deixou mais de 10.000 falecidos.

are-jm/spc/db

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos