Seis militares egípcios morrem durante operação no Sinai

Cairo, 28 dez 2017 (AFP) - Seis militares egípcios, entre eles um oficial, morreram após a explosão de seu veículo durante uma operação realizada contra "terroristas" na região do Sinai Norte, anunciou nesta quinta-feira um porta-voz do exército.

Desde que o exército destituiu o presidente islamita, Mohamed Mursi, em 2013, os grupos extremistas atacam regularmente as forças de segurança egípcias, sobretudo no norte do Sinai. Centenas de soldados e policiais morreram nestes ataques, assim como vários civis, a maioria reivindicados pelos extremistas do grupo Estado Islâmico (EI) ou afins.

O porta-voz do exército, Tamer el Refai, não informou a data desta operação.

"Um oficial e cinco soldados morreram pela explosão de um artefato em seu veículo, durante uma operação contra um ninho de terroristas", disse sem fornecer mais detalhes.

Em outra operação militar foram mortos três ativistas que levavam armas, munições e explosivos, acrescentou o porta-voz.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos