Morre ator de 'Glee', culpado por pornografia infantil

Los Angeles, 30 Jan 2018 (AFP) - O ator americano Mark Salling, conhecido por seu papel na exitosa série musical "Glee", morreu nesta terça-feira (30) a poucas semanas de receber a sentença por posse de material pornográfico infantil, informou seu advogado.

"Mark Salling morreu cedo nesta manhã", disse Michael Proctor em um comunicado enviado à AFP. "Mark foi uma pessoa amável e carinhosa, uma pessoa de muita criatividade, que fazendo o possível para consertar seus erros".

O site especializado TMZ indicou que o ator de 35 anos teria se enforcado e que seu corpo foi encontrado perto de um riacho em Sunland, subúrbio de Los Angeles.

Uma fonte próxima ao ator disse à AFP sobre as especulações sobre suicídio: "Não assumiria todos as notícias como verdadeiras ou verificadas. Estamos confirmando informação".

Nem a polícia nem a guarda de Los Angeles confirmaram a sua morte.

Salling, que fez o papel de Noah Puckerman em "Glee", se declarou culpado de posse de pornografia infantil depois de chegar a um acordo com o procurador e no dia 7 de março seria sentenciado a entre quatro a sete anos de prisão, segundo a imprensa.

As autoridades encontraram em seu laptop e um HD externo mais de 50.000 fotos e vídeos pornográficos nos quais apareciam crianças, especialmente meninas.

Segundo o TMZ, ele tentou se matar em agosto do ano passado cortando os punhos, mas seu advogado desmentiu.

Outro ator da famosa série, o canadense Cory Monteith, morreu em julho de 2013 produto de uma overdose de drogas e álcool.

ved-jt/ll/cc

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos