PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Trump diz que faria o ex-vice Biden 'cair feio' caso brigassem

À esq., o ex-presidente dos EUA, Joe Biden; ao lado, Donald Trump - Arte UOL
À esq., o ex-presidente dos EUA, Joe Biden; ao lado, Donald Trump Imagem: Arte UOL

Em Washington

22/03/2018 13h04

O presidente Donald Trump e o ex-vice-presidente Joe Biden voltaram a mostrar a tensão existente entre os dois nesta quinta-feira, multiplicando as ameaças de confronto físico.

"O louco Joe Biden tenta parecer um homem durão. Na verdade ele é fraco, tanto mental como fisicamente, mas mesmo assim ameaça, pela segunda vez, me atacar fisicamente", tuitou Trump, de 71 anos. "Ele não me conhece, mas cairia feio e rápido, chorando. Não ameace as pessoas, Joe!"

Falando em um comício contra o assédio sexual na terça-feira na Universidade de Miami, Biden, que considera candidatar-se contra Trump em 2020, afirmou que teria "destruído" o presidente se tivessem frequentado a mesma escola por causa de sua falta de respeito pelas mulheres.

"É alguém que acabou se tornando líder nacional mas que disse 'posso tocar em uma mulher em qualquer lugar e ela vai gostar'", declarou Biden, referindo-se a um vídeo que surgiu nos últimos dias da campanha de 2016, no qual Trump se gaba de sua capacidade de tocar as genitais das mulheres.

"Me perguntaram se eu gostaria de debater com esse senhor e eu disse não. Disse 'se eu estivesse no ensino médio, eu o levaria para trás do ginásio e o destruiria'", declarou Biden, de 75 anos.

"Estive em muitos vestiários durante a minha vida. Sou um atleta muito bom. Alguém que falava desse jeito era geralmente o mais gordo e feio H.D.P. do lugar".

Biden, vice-presidente de Barack Obama entre 2009 e 2017, fez comentários semelhantes durante a campanha eleitoral de 2016.

Trump já lançou sua campanha para a reeleição em 2020.

Internacional