PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Bilionário Oleg Deripaska deixa o grupo Rusal para evitar sanções

25/05/2018 06h16

Moscou, 25 Mai 2018 (AFP) - O grupo russo de alumínio Rusal anunciou nesta sexta-feira a saída com efeito imediato de seu principal acionista, o bilionário russo Oleg Deripaska, do conselho de administração para evitar as sanções americanas contra este oligarca.

"Continuando com os esforços realizados pela direção do grupo para proteger os interesses da empresa e de seus acionistas desde a introdução das sanções (do Tesouro dos Estados Unidos), Oleg Deripaska, administrador não executivo, apresentou sua renúncia efetiva em 25 de maio de 2018", anunciou a Rusal em um comunicado.

A empresa, responsável por 7% da produção mundial de alumínio, enfrenta dificuldades desde que o governo de Donald Trump decidiu incluir em sua lista de objetos de sanções Oleg Deripaska, entre outros oligarcas russos considerados próximos ao Kremlin.

O Tesouro americano também decidiu adotar sanções contra as empresas controladas por Deripaska, em particular sua holding En+ e a Rusal, grupo do qual a En+ é a principal acionista.

Na quinta-feira, a diretora geral da Rusal, Alexandra Buriko, e sete integrantes do conselho de administração já haviam anunciado a saída da empresa, com a esperança de evitar as sanções de Washington.

gmo/tbm/acc/ra/fp

UNITED COMPANY RUSAL

Internacional