PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Adolescente palestino morre atingido por tiros durante protesto em Gaza

04/07/2018 18h54

Gaza, Territórios palestinos, 4 Jul 2018 (AFP) - Um adolescente palestino, baleado pelas forças israelenses, em maio, durante as grandes manifestações na Faixa de Gaza, morreu por causa dos ferimentos nesta quarta-feira (4), informou o Ministério da Saúde do território governado pelo Hamas.

"Mahmud al-Gharabli, 16 anos, morreu após ser ferido na cabeça na região leste da cidade de Gaza no dia 14 de maio", disse o porta voz do ministério, Ashraf al-Qudra.

A morte de Gharabli eleva o número de palestinos mortos naquele dia a 63, quando milhares se aproximaram da cerca altamente protegida e os Estados Unidos mudavam sua embaixada israelense de Tel Aviv para Jerusalém.

Desde que os protestos estouraram ao longo da fronteira de Gaza em 30 de março, ao menos 139 palestinos foram mortos por tiros disparados do lado de Israel.

A maioria estava envolvida nas manifestações, mas outros procuram quebrar ou violar a cerca.

Nenhum israelense perdeu a vida.

Israel afirma que o uso de armas é necessário para defender suas fronteiras e cessar infiltrações. O país acusa o movimento islamita Hamas de usar os protestos para promover ataques.

az-jod/jjm/dv/ap/mvv

Internacional